Sobre LED

Essencialmente, o LED (Light Emitting Diode, ou Diodo Emissor de Luz) é um semicondutor (isto é, um material a meio caminho entre um condutor e um isolante) emissor de luz. Quando se aplica uma tensão a seus terminais, ele gera energia na forma de luz, visível ou não (dependendo das características do diodo).

Os primeiros diodos

As primeiras experiências com emissão de luz a partir da aplicação de corrente elétrica a um material (eletroluminescência) ocorreram em 1907, mas apenas 20 anos depois foi relatada a criação do primeiro LED. Mais 35 anos seriam necessários para que se patenteasse o primeiro dispositivo do tipo. As primeiras aplicações comerciais do diodo foram como lâmpadas-piloto, no lugar das de neon e incandescentes, e também como displays digitais.

O LED na iluminação

Com o barateamento da tecnologia de produção de LEDs, o aumento de sua eficiência e emissão luminosa, eles passaram a ter novas aplicações, chegando aos dias de hoje, onde o LED substitui com vantagens as lâmpadas incandescentes e fluorescentes. Comparativamente às outras formas de geração de luz, os LEDs:

  • Têm maior rendimento/eficiência
  • Emitem menos calor, aquecendo menos o ambiente e, assim, evitando também o uso de ar condicionado
  • Têm maior vida útil e, quando falham, é mais provável que fiquem fracos do que apaguem de vez.
  • Pela maior vida útil, os custos com a mão-de-obra de trocas diminui
  • Permitem melhor focalização da luz
  • Fornecem maior variedade de cores sem ter que se apelar para o uso de filtros
  • Têm chaveamento mais rápido, ou seja, o tempo de ligamento e desligamento e entrada em funcionamento pleno é mais curto
  • Não sofrem desgaste com comandos de liga e desliga
  • São mais resistentes a choques mecânicos
  • Danificam menos os materiais expostos a sua luz, tais como tecidos
  • Permitem mais efeitos decorativos
  • São mais compactos, economizando no transporte e armazenagem
  • Seu descarte polui menos
     

Apesar de ainda serem relativamente caros, sua relação custo-benefício é tal que uma instalação a LED acesa durante 24 h por dia pode se pagar em um ano ou menos.

Utilização

O LED tem sido utilizado não apenas na iluminação corporativa e residencial, mas também em semáforos, iluminação pública e de túneis, gerando maior economia não só pelo menor consumo de eletricidade, mas pela menor necessidade de reposição, gerando menores custos com equipes de manutenção.

Na iluminação de palco, o LED provoca menor aquecimento, diminuindo o incômodo dos que ficam sob sua luz.

Lanternas de veículos estão adotando o LED, que ilumina melhor, tem maior durabilidade e que consome menos bateria.

As câmeras de visão noturna fazem imagens de alta resolução auxiliadas por LEDs infravermelhos.

Nos televisores LED, este substitui com vantagem a iluminação de fundo necessária nos TVs LCD tradicionais, feita com lâmpadas fluorescentes (na realidade, os chamados televisores LED são TVs LCD com iluminação a LED). O mesmo aplica-se aos monitores de notebooks e computadores. Mas já há no mercado painéis iluminados somente a LED (no momento, mais utilizados em shows ou locais de grande concentração e que exijam telas de grandes dimensões).

Tendências – OLED

O OLED, ou LED orgânico, é uma tendência tecnológica. No lugar de elemento semicondutor, como o silício, é um LED que trabalha com compostos orgânicos. É com esse tipo de LED que estão surgindo no mercado os displays flexíveis de TV, displays enroláveis.

É o começo de uma nova revolução.

Sobre a loja

A LASLED Comercial Ltda é a maior distribuidora de produtos em iluminação LED do mercado brasileiro, situada na cidade de Campinas - SP. A LASLED foi fundada em 2012 com o intuito de trazer soluções tecnológicas de iluminação para indústrias, setor público e grandes redes comerciais. Entre em contato através do televendas (19) 2121-9066 ou faça um orçamento em nossa plataforma comercial online.

Social
Selos

Lasled Comercial - ME - CNPJ: 20.303.040/0001-10 © Todos os direitos reservados. 2017

google-site-verification: google004b76d2f0afa22c.html